seg, 20 maio 2024
InícioDestaquesTráfico e Homicídios: Saiba o que aponta investigação sobre casal de influencers...

Tráfico e Homicídios: Saiba o que aponta investigação sobre casal de influencers do ‘Jogo do Tigre’

Skarlete Melo e Erick Costa, o casal de influencers do ‘Jogo do Tigrinho’, que foram presos na última sexta-feira (15), também estariam envolvidos com tráfico de drogas, vendas de armas para facção criminosa e até homicídios. A informação foi confirmada pela Polícia Civil do Maranhão.

De acordo com a polícia, o casal é investigado por lavagem de dinheiro e contravenção penal por meio da divulgação do Fortune Tiger (ou Jogo do Tigre), no qual Skarlete é alvo desde setembro deste ano, quando foram apreendidos veículos de luxo e cerca de R$ 8 milhões foram bloqueados.

Ainda conforme a polícia, a operação, que iniciou com a contravenção, com o jogo de azar, bem como associação criminosa e a lavagem de dinheiro, está evoluindo e agora na segunda fase, já existem elementos que provam que pessoas que pertencem a esse grupo, liderado pela Skarlete, têm relação com o tráfico de drogas e a venda de armas.
A polícia diz ainda que o grupo criminoso também tem ligação com homicídios, mas que ainda não podem ser informados com detalhes. No entanto, somente Erick Costa, de 23 anos, já tem em seu histórico policial nos últimos anos, registros de crimes como porte ilegal de arma de fogo e tráfico de drogas.

Na Justiça há ainda o registro, contra Erick Costa, de um assalto a mão armada e um homicídio, ocorrido no Bairro de Fátima, no dia 23 de janeiro de 2020, em que Erick teria sido o autor. Por esse crime, ele foi condenado a seis anos de prisão, mas recebeu o direito de recorrer em liberdade.
Erick segue preso em uma unidade prisional do Ceará, já Skarlete Melo foi liberada para usar tornozeleira eletrônica. A Justiça decidiu que a influenciadora digital será monitorada em casa, pois comprovou ter dois filhos menores de 12 anos.

Além do casal, foram presos, em São Luís, Robson Bruno Pereira de Oliveira e Aretiano da Silva, que estariam fazendo parte do grupo criminoso comandado por Skarlete e Erick.

Prisão em hotel de luxo

O casal foi preso em Fortaleza, em um hotel de luxo, quando estavam prestes a realizar uma festa para o de uma nova plataforma de jogos de azar. Erick já tinha um mandado de prisão preventiva, enquanto Skarlete foi presa em flagrante por apresentar um documento falso.

Uma das pessoas presas na operação que deteve o casal de influenciadores Skarlete Mello e Erick Costa, usava distintivos da polícia e se passava por perito, policial e segurança da influenciadora digital. Os distintivos apreendidos deverão passar por perícia.
Chefe de organização de criminosa

Há indícios da ligação de dois presos na operação, com o casal de influenciadores, segundo a Polícia Civil. Mensagens de texto e áudio foram anexadas no processo e demonstram que o grupo tinha uma relação próxima.

Ainda segundo a Polícia Civil, o casal tem ligação direta com outros sujeitos que estão sendo alvos no momento. Conversas, áudios, mensagens, elementos de provas que comprovam que eles se conhecem e que além de dialogarem, convivem entre si, e tem uma união bem forte para organização criminosa.

Outros dois mandados de prisão ainda devem ser cumpridos pela Polícia Civil. Para os investigadores, mesmo que Skarlete não viva mais no Maranhão, os crimes acabam se caracterizando como praticados localmente, já que parte dos seguidores influenciados por ela, vivem no estado.

Em outro local, em Eusébio, na Região Metropolitana de Fortaleza, policiais estiveram uma residência de luxo do casal e apreenderam um veículo Porsche avaliado em R$ 400 mil.
A operação também contou com o apoio de Superintendência Estadual de Repressão ao Narcotráfico (SENARC), Superintendência de Polícia Civil da Capital (SPCC) e do MJSP, através do Projeto IMPULSE, que está inserido no Programa de Enfrentamento a Organizações Criminosas (Enfoc).

Início da Investigações

As investigações envolvendo a influenciadora digital Skarlete Mello tiveram início em setembro deste ano, quando a Polícia Civil do Maranhão realizou uma operação contra a divulgação de jogos de azar, além de crimes relacionados, como organização criminosa e lavagem de dinheiro.

A operação, intitulada de “Quebrando a Banca”, foi liderada pela Superintendência Estadual de Investigações Criminais (SEIC), por meio do Departamento de Combate ao Crime Organizado (DCCO).
O que é o Fortune Tiger

Fortune Tiger é um jogo de cassino online do tipo caça níquel, que promete ganhos em dinheiro. Porém, como a maioria dos jogos de azar, as pessoas tendem a perder dinheiro na plataforma. Por ser um cassino, por si só, é considerado ilegal no Brasil.
Além disso, segundo a polícia, o sistema do Fortune Tiger é hospedado fora do país e não possui registro ou representantes no Brasil.
No Brasil, o chamado Jogo do Tigre ficou famoso principalmente devido à extensa campanha que incluiu muitos influenciadores digitais e jogadores que compartilham suas táticas para se dar bem.

Em Brasília, o Senado aprovou no dia 12 de dezembro, o projeto que regulamenta e tributa o mercado de apostas esportivas, as “bets”. No entanto, deixou de fora os jogos definidos como competições “cujo resultado é desconhecido no momento da aposta”. Isso fez com que jogos de azar saíssem do texto.

Desta forma, o projeto vai valer somente para apostas de “eventos reais” em que é definido, no momento da jogada, quanto o apostador pode ganhar se acertar o palpite. As bets, apesar de legais no país, ainda não são tributadas pelo governo. A proposta, que foi alterada pelos senadores, retornará à Câmara para nova rodada de votação.

Via O Povo com a Notícia

Relacionados

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Tempo Hoje

Petrolândia
céu limpo
24.8 ° C
24.8 °
24.8 °
61 %
4.8kmh
8 %
ter
31 °
qua
30 °
qui
31 °
sex
30 °
sáb
22 °

Mais Lidas