seg, 4 março 2024
InícioDestaquesSeleção brasileira: Derrota por 4 a 2 para o Senegal

Seleção brasileira: Derrota por 4 a 2 para o Senegal

A seleção brasileira encerra sua passagem pela Europa com uma derrota decepcionante, entregando a vitória ao Senegal por 4 a 2 em um embate surpreendente nesta terça-feira. Com um futebol pobre e uma organização deficiente, o Brasil, comandado temporariamente por Ramon Menezes, ficou aquém do esperado contra a seleção africana, que controlou a partida no segundo tempo.

O pesadelo de Lisboa
O estádio José Alvalade foi palco de um futebol brasileiro sem brilho, com Paquetá e Marquinhos, que serviu de capitão na ausência de Casemiro, deixando suas marcas no placar, embora Marquinhos também tenha marcado um gol contra para o Senegal.

A equipe africana, que vive um dos melhores momentos de sua história sob a direção de Aliou Cissé, apresentou um futebol superior, com gols de Diallo e Sadio Mané, este último estrela do Bayern de Munique, que marcou duas vezes, uma delas de pênalti, selando a derrota brasileira.

Em vista deste cenário, Carlo Ancelotti, o provável futuro treinador da equipe brasileira com quem a CBF tem um acordo verbal, terá que enfrentar grandes desafios para consertar a equipe. Este foi o último amistoso da seleção brasileira antes do início das eliminatórias sul-americanas para a Copa do Mundo de 2026, cuja estreia será contra a Bolívia em setembro.

Desafios para Ancelotti e falhas no ataque
Caso confirme o convite da CBF, Ancelotti terá uma série de problemas para resolver a partir de 2024. Após a Copa do Catar, a seleção brasileira parece ter perdido a conexão com seus torcedores e demonstrou um claro desentrosamento. Além de problemas defensivos, a equipe carece de um atacante à altura do peso da camisa 9 e continua sem um grande líder técnico. Neymar continua de fora por lesão, enquanto Vinicius Jr. luta para ocupar esse espaço, embora não tenha conseguido reproduzir com a camisa da seleção as atuações de destaque que faz pelo Real Madrid.

Melhorias urgentes na defesa
No segundo tempo da partida, os senegaleses conseguiram explorar a defesa brasileira vulnerável e conseguiram marcar três gols em um intervalo de três minutos. O gol de Mané evidenciou a necessidade urgente de melhorias na defesa, quebrando um tabu de nove anos sem sofrer três gols em uma partida. Diante deste cenário, Ramon Menezes recorreu a jogadores do futebol brasileiro, Rony e Pedro, na tentativa de, pelo menos, empatar a partida.

A derrota do Brasil para o Senegal expõe a necessidade urgente de reformulações estratégicas e táticas antes das eliminatórias sul-americanas. Ancelotti, se assumir o comando, terá muito trabalho pela frente para fortalecer a seleção e retomar a confiança dos torcedores. O próximo compromisso é a Bolívia, em setembro, uma chance para o Brasil começar a trilhar seu caminho de volta à glória.

Por PortalChicoSabeTudo

Relacionados

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Tempo Hoje

Petrolândia
céu pouco nublado
28.6 ° C
28.6 °
28.6 °
50 %
3.1kmh
11 %
seg
33 °
ter
34 °
qua
36 °
qui
31 °
sex
33 °

Mais Lidas